O tempo de parada de um veículo afeta a performance de toda a sua operação.

Todo gestor logístico já parou e se não parou deve parar para pensar no quanto o tempo que sua frota fica parada interfere nos custos da operação. Afinal tempo é dinheiro.

A retenção do veículo por um grande período, compromete as entregas afetando a satisfação do consumidor e na performance da empresa de transporte, pois esse tipo de situação influencia no prazo do serviço que é prestado para outros clientes.

No artigo de hoje vamos te ajudar com dicas sobre as medidas que podem ser tomadas durante suas entregas para que você consiga diminuir ao máximo o tempo de retenção dos veículos. Confira abaixo o que preparamos para a sua gestão:

#1 – Estipule metas de tempo máximo

Antes do início de qualquer operação é indicado que sejam verificadas todas as variáveis do processo, para estipular uma média de tolerância com o tempo máximo de retenção em que não irá interferir no resultado final das entregas.

Sistemas inteligentes de gestão logística oferecem ferramentas para a inclusão e definição de metas de tempo máximo de retenção de veículos por você. Além disso, também exportam relatórios automáticos das suas rotas detalhadas com o tempo que você perde com as paradas ao longo das entregas.

#2 – Faça o planejamento das rotas

Com o planejamento de rotas é possível uma maior organização do calendário de entregas, e a visualização dos locais e horários mais adequados para a descarga do caminhão. Dessa forma, a empresa consegue analisar melhor todas as alternativas para o processo de distribuição.

Diversos estabelecimentos oferecem docas ou terminais adaptados, feitos para que o veículo estacione em uma vaga com acesso facilitado para a transição das embalagens até o interior do depósito e assim, diminuindo seu tempo de retenção em cada parada. Tenha em mente no seu planejamento quais pontos de parada possuem ou não a infraestrutura adequada que oferece maior agilidade.

#3 – Analise os CDs mais críticos

É necessário analisar com antecedência e roteirizar toda a movimentação em um CD para que estejam disponíveis a quantidade correta de mercadorias, no momento e no lugar certos. Também optar por estratégias que priorizem o que for crucial, caso o prazo de retenção máximo seja extrapolado, para não perder mais tempo com entregas e coletas que podem ser prorrogadas.

Também é interessante adotar o uso de softwares para esse fim, para que a conferência da qualidade e quantidade da carga, bem como a emissão de nota fiscal se torne uma tarefa mais rápida e simples.

#4 – Oriente seus profissionais

A redução de acidentes é um benefício óbvio da realização de treinamento dos seus profissionais, entretanto, muitos se esquecem de outras vantagens, como evitar problemas em sua rotina e otimizar o tempo da operação. 

Os responsáveis pela carga e descarga precisam ser capacitados para lidar com os produtos para que não haja aborrecimento durante o processo e garantir agilidade. As técnicas aprendidas são desde a análise do local de movimentação, tipo da carga, riscos ergonômicos e o uso de equipamentos auxiliares. Um simples treinamento aumenta ainda mais a produtividade em relação ao carregamento e descarregamento de cargas.

#5 – Monitore a frota em tempo real

É a maneira que garante um maior controle durante o processo, e ao contrário do que muitos pensam não é necessário um grande investimento financeiro.

Hoje em dia, há sistemas que monitoram todo o percurso do veículo, com geolocalização (GPS), e são acessíveis de qualquer plataforma operacional, totalmente integráveis com o seu ERP e TMS ou através da NF-e. Já é possível também, fazer o acompanhamento em tempo real do status das entregas e da localização do veículo pelo App do próprio motorista.

Com o rastreamento em tempo real você recebe relatórios com o tempo médio de retenção divididos por:

  • Locais de embarque e desembarque (CDs, lojas, clientes etc.);
  • Região;
  • Transportador;
  • Tipo de veículo.

Para saber mais sobre, confira aqui nosso texto sobre as vantagens do monitoramento em tempo real.

Conheça também o melhor sistema de gestão logística disponível no mercado e tenha o controle de sua frota na palma da sua mão.

Buonny apresenta resultados do Reconhecimento Facial no 7º Simpósio Expocist 2019

| EVENTOS, Gerenciamento de Riscos, Seguradora, SEGURANÇA, Seguros, TECNOLOGIA, Transporte | Sem Comentários
No último dia 27 de novembro, a Buonny participou do 7º Simpósio Expocist 2019, no Hotel Sheraton WTC, em São Paulo, o maior evento do mercado de seguros do país. (mais…)

Empresa do Grupo Buonny patrocina 5º Prêmio de Sustentabilidade

| EVENTOS, Sustentabilidade, TECNOLOGIA | Sem Comentários
Na última terça-feira (26), a Solen Energia, empresa do Grupo Buonny, esteve presente no 5º Prêmio de Sustentabilidade, promovido pelo SETCESP, como patrocionadora. (mais…)

Os colaboradores do Grupo Buonny aderiram a Blue Friday

| EVENTOS | Sem Comentários
Na última sexta-feira (08), os colaboradores do Grupo Buonny aderiram a Blue Friday, uma ação para a conscientização de prevenção e combate ao Câncer de Próstata. (mais…)

Buonny Belo Horizonte promove evento de inovação

| EVENTOS, Gerenciamento de Riscos | Sem Comentários
Na última terça-feira (5), a Buonny Belo Horizonte realizou um evento para clientes, parceiros e amigos na churrascaria Baby Beef Steakhouse. (mais…)
  RESPEITO SE CONQUISTA COM ATITUDES
SÃO PAULO – SP
55 11  5079.2500 / 55 11  3443.2500
BELO HORIZONTE – MG
55 31  3653.6317
CURITIBA – PR
55 41  3015.7109
PORTO ALEGRE – RS
55 51  3072.1375
GOIANIA – GO
55 62 3645.3400
SALVADOR – BA
55 71  3271.4680
SANTIAGO – CHILE
56 2 3251.1125
Buonny Projetos e Serviços de Riscos Securitários Ltda ® Todos os direitos reservados | Ouvidoria: 11 5079.2621 – ouvidoria@buonny.com.br
CNPJ: 06.326.025/0001-66 | IE: Isenta | Alameda dos Guatás, 191 – Jd. da Saúde – São Paulo / SP – CEP 04053-040