Confira as medidas necessárias que não afetam o seu cliente

A rentabilidade e sustentabilidade da sua companhia envolvem a procura de maneiras de aumentar a receita e diminuir custos. Mas como fazer isso sem repassar os custos para o cliente final? Lucro é essencial em qualquer negócio, incluindo as empresas de transporte, uma vez que sua operação conta com diversos incrementos de insumos e serviços para funcionar.

Sei que muitos relacionam o crescimento na carteira de clientes a uma maior lucratividade. No entanto, enquanto novos parceiros significam expansão dos negócios, mais serviços e produtos oferecidos, prospectá-los pode ser uma estratégia cara: pesquisas apontam que um recém-chegado pode custar em média oito vezes mais do que manter um atual.

Por isso, aposte em programas de retenção e no treinamento da equipe para que fique fácil identificar e rastrear o público propenso a ter um laço mais duradouro.

Para isso é comum que as organizações usem sistemas CRM para conhecer melhor seus clientes, porém enfatizo que esses softwares não fazem a gerência por si só, mas apenas fornecem dados para facilitar as atividades rotineiras. O que impacta efetivamente na lucratividade é localizar gargalos na operação e corrigi-los rapidamente para que nenhum orçamento ou atendimento deixe de ser efetivado.

No caso das transportadoras, investir na tecnologia certa é diretamente relacionado ao crescimento dos negócios.

Recentemente, li dados publicados pela consultoria norte americana Alberdeen Research que mostram que as companhias que utilizam um software de gestão (ERP) são 73% mais produtivas e têm redução de 18% nos custos operacionais e de 16% nos administrativos. Aconselho conhecer quais as opções disponíveis no mercado de acordo com a necessidade de sua companhia, pensando em resultados a curto e médio prazo. Nas transportadoras esse tipo de sistema atende diversas demandas como a automação de atividades, integração de informações e mitigação de desperdícios e gastos.

Outra administração importante a ser feita é gestão de estoque para otimizar recursos e aprimorar o fluxo de caixa, não deixando o dinheiro parado e minimizando perdas que vêm de um estoque descontinuado.

Os gestores procuram trabalhar com itens que tenham um bom giro, e mas devemos tomar cuidado para que aqueles que têm uma saída rápida não fiquem em falta e prejudiquem os resultados.

Isso pode ser um desafio, pois ao mesmo tempo que é necessário atender à demanda dos clientes, a quantidade de itens não pode consumir os lucros. Use um sistema gerencial para a consulta ao histórico da operação e a avaliação da sazonalidade do negócio, que são estratégias para prever pedidos e possibilitar que uma nova ordem de compra seja feita no prazo e na quantidade adequada.

Fonte: Valmir Colodrão bit.ly/2KdKD1W

Câncer de mama: a prevenção está em suas mãos

| DICAS | Sem Comentários
Neste mês, realiza-se a campanha do Outubro Rosa, desde os anos 1990, onde busca-se conscientizar sobre a importância da prevenção do câncer de mama, proporcionar maior acesso aos serviços de diagnóstico e de tratamento e contribuir para a redução da mortalidade. A campanha foi criada pela Fundação Susan G. Komen…

Prevenção de acidentes: por que essa é a melhor ferramenta para o caminhoneiro?

| AMIGOS DA CARGA, Caminhões, DICAS, Gerenciamento de Riscos, Rodovias, SEGURANÇA, Transporte | Sem Comentários
Na semana em que comemoramos o Dia Nacional de Segurança no Trânsito, Buonny enfatiza a importância da direção preventiva e da saúde de motoristas (mais…)

Filial Buonny Minas: mudanças para atender ainda melhor

| Gerenciamento de Riscos | Sem Comentários
Sob nova gestão e com novo espaço, a filial Buonny Minas está ainda mais preparada para atender os clientes da região (mais…)

Campanha aplica teste de COVID-19 e vacina contra H1N1 em caminhoneiros

| AMIGOS DA CARGA, DICAS, Gerenciamento de Riscos, Gestão de Frota, LOGÍSTICA, Rodovias, SEGURANÇA, TECNOLOGIA, Transporte | Sem Comentários
Em cinco pontos da Baixada Santista (SP), é possível realizar a testes do COVID-19 e se vacinar contra o H1N1 (mais…)
  RESPEITO SE CONQUISTA COM ATITUDES
SÃO PAULO – SP
55 11  5079.2500 / 55 11  3443.2500
BELO HORIZONTE – MG
55 31  3653.6317
CURITIBA – PR
55 41  3015.7109
PORTO ALEGRE – RS
55 51  3072.1375
GOIANIA – GO
55 62 3645.3400
SALVADOR – BA
55 71  3271.4680
SANTIAGO – CHILE
56 2 3251.1125
Buonny Projetos e Serviços de Riscos Securitários Ltda ® Todos os direitos reservados | Ouvidoria: 11 5079.2621 – ouvidoria@buonny.com.br
CNPJ: 06.326.025/0001-66 | IE: Isenta | Alameda dos Guatás, 191 – Jd. da Saúde – São Paulo / SP – CEP 04053-040