Após três anos de quedas consecutivas, o segmento de caminhões pesados se mostrou o protagonista no início da recuperação do mercado de veículos comerciais, conforme aponta o balanço de 2017 da Anfavea.

Enquanto as vendas totais do mercado de caminhões encerraram o ano passado com alta de 2,7%, para 51.941 unidades, somente os licenciamentos de pesados cresceram 23,4%, com 18.747 caminhões vendidos, participação de 36%, 6 pontos porcentuais a mais que no ano anterior.

Nenhuma outra categoria apresentou resultado tão robusto. Ao contrário, segmentos importantes, tradicionalmente de grandes volumes, como os leves e os semipesados, ainda fecharam 2017 com queda na comparação com 2016.

A faixa de modelos destinados às operações essencialmente urbanas somou no ano passado 11.687 licenciamentos, declínio de 11,2% sobre o volume do ano anterior, de 13.160 unidades. A participação dos leves no mercado de caminhões, que foi de 26%, em 2016, quando as vendas alcançaram 50.559 unidades, caiu para 22,5%, em 2017.

O recuo nas vendas dos semipesados foi menor, mais ainda acentuada. No passado, o mercado absorveu 13.542 caminhões da categoria, queda de 6,5% em relação às 14.478 unidades negociadas em 2016. O resultado também reduziu a fatia do segmento no mercado total de 28,6% para 26%.

Além dos pesados, os semileves e os médios foram as outras categorias que mais contribuíram com a alta das vendas no ano passado, embora os primeiros tenham apresentado um desempenho estável, com leve alta de 0,2%, para 3.522 unidades contra 3.514 licenciamentos no ano anterior. O comportamento das vendas praticamente não alterou a participação da categoria no mercado total: tinha 6,9% em 2016 e encerrou 2017 com 6,9%.

Por fim, as vendas da categoria de caminhões médios cresceram 5,3% em 2017, para 4.443 veículos negociados. O volume, no entanto, praticamente não permitiu ao segmento ganhar participação, encerrando o período com 8,55% do mercado total, enquanto fechou 2016 com 8,35%.

Fonte: goo.gl/5xsXyt

Câncer de mama: a prevenção está em suas mãos

| DICAS | Sem Comentários
Neste mês, realiza-se a campanha do Outubro Rosa, desde os anos 1990, onde busca-se conscientizar sobre a importância da prevenção do câncer de mama, proporcionar maior acesso aos serviços de diagnóstico e de tratamento e contribuir para a redução da mortalidade. A campanha foi criada pela Fundação Susan G. Komen…

Prevenção de acidentes: por que essa é a melhor ferramenta para o caminhoneiro?

| AMIGOS DA CARGA, Caminhões, DICAS, Gerenciamento de Riscos, Rodovias, SEGURANÇA, Transporte | Sem Comentários
Na semana em que comemoramos o Dia Nacional de Segurança no Trânsito, Buonny enfatiza a importância da direção preventiva e da saúde de motoristas (mais…)

Filial Buonny Minas: mudanças para atender ainda melhor

| Gerenciamento de Riscos | Sem Comentários
Sob nova gestão e com novo espaço, a filial Buonny Minas está ainda mais preparada para atender os clientes da região (mais…)

Campanha aplica teste de COVID-19 e vacina contra H1N1 em caminhoneiros

| AMIGOS DA CARGA, DICAS, Gerenciamento de Riscos, Gestão de Frota, LOGÍSTICA, Rodovias, SEGURANÇA, TECNOLOGIA, Transporte | Sem Comentários
Em cinco pontos da Baixada Santista (SP), é possível realizar a testes do COVID-19 e se vacinar contra o H1N1 (mais…)
  RESPEITO SE CONQUISTA COM ATITUDES
SÃO PAULO – SP
55 11  5079.2500 / 55 11  3443.2500
BELO HORIZONTE – MG
55 31  3653.6317
CURITIBA – PR
55 41  3015.7109
PORTO ALEGRE – RS
55 51  3072.1375
GOIANIA – GO
55 62 3645.3400
SALVADOR – BA
55 71  3271.4680
SANTIAGO – CHILE
56 2 3251.1125
Buonny Projetos e Serviços de Riscos Securitários Ltda ® Todos os direitos reservados | Ouvidoria: 11 5079.2621 – ouvidoria@buonny.com.br
CNPJ: 06.326.025/0001-66 | IE: Isenta | Alameda dos Guatás, 191 – Jd. da Saúde – São Paulo / SP – CEP 04053-040